sexta-feira, 23 de setembro de 2011

ESSE SEU OLHAR DE PANDA....

Eu não sei vocês, mas desde pequena sempre rendi apelidos por conta das minhas estranhas, profundas, escuras e estranhas (op's, já disse isso ! kk) olheiras. Passei aliás um bom tempo da vida sendo chamada de pandinha por conta delas ( o que aliás durante minha adolescencia,  sempre dei um jeito de disfarçar na hora de explicar o porque do apelido, fazendo referencia a personalidade do bicho que de certa forma lembra mesmo a minha, mas assumir que era por causa das olheiras, eu não assumia nem a pau genival kk).

Já me falaram que é hereditário, que eu devo ter doença no fígado ( e eu tenho mesmo, meu fígado adoece toda vez que eu bebo kk),  e até que pode ser problema de cabeça (imagina minha reação nessa hora, o grau de loucura indo de polpa em polpa a cada tonalidade de cor da olheira...louquinha, louquinha kk), mas nada foi suficiente pra me explicar o porque de só eu na família ter olheiras tão escuras assim. Cheguei a conclusão de que tem totalmente a ver com minha qualidade de vida e de sono ( já que eu não tenho nenhuma delas), mas justificar assim acabou não sendo satisfatório, já que sou assim de nascença. Daí, por esses dias, esbarrei num site que falava sobre tipos de olheiras e foi como se alguém dissesse pra mim, não, você não é filha do Tim maia como vinha pensando kk, afinal, tudo tem explicação nessa vida !!! ( e o que não tem, não venha dizer que a culpada sou eu okays ^^). Achei interessante e resolví postar hoje aqui pra vocês, embora ela já estivesse de molho nos meus rascunhos a muito tempo. Leiam e me digam se gostaram do post e com qual tipo de olheira se identificaram. Byes!!!


Tem hora que nem corretivo, base e toda a maquiagem do mundo dão jeito nas temídas olheiras. Além de nos deixarem com aspecto mais cansado e envelhecido, elas podem ser causadas por outros fatores, além da fadiga. A dermatologista Carolina Ferolla, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, explica que existem pelo menos quatro tipos de olheiras, causadas por mudanças no nosso organismo e que devem ser tratadas de maneiras diferentes.


Alguns fatores externos também podem piorar o problema, como exposição exagerada e sem proteção ao sol, alguns remédios, o álcool e o sal em excesso nas comidas. Apesar de haver muitos paliativos, as olheiras não são 100% curáveis e os tratamentos estéticos precisam ser refeitos regularmente, em conjunto com a mudança de hábitos ruins. Segundo Carolina, apenas um procedimento cirúrgico garante o desaparecimento total do terrível "olhar de panda".



TIPOS DE OLHEIRAS


Constitucionais: são olheiras acastanhadas e fundas caracterizadas pela anatomia da face. O globo ocular fica alojado em um orifício que, neste caso, é anatomicamente mais profundo e recoberto por uma pele muito fina que permite transparecer a sombra da cavidade. Muito comum nas etnias indiana e árabe. Os tratamentos para clarear e suavizar olheiras desse tipo são geralmente lentos e apresentam resultados pouco perceptíveis. O laser (luz intensa pulsada) e o preenchimento com ácido hialurônico pode ser uma boa opção para este caso.


Melânicas: olheiras acastanhadas causadas pelo acúmulo de melanina (pigmento que fornece o tom a pele), que, por sua vez, é desencadeado pelo excesso de sol ou estímulo hormonal. Os tratamentos que favorecem a despigmentação apresentam bons resultados no clareamento e suavização desse tipo de olheiras.


Sanguíneas: olheiras arroxeadas causadas por acúmulo de hemoglobina (pigmento sanguíneo) ou produtos de sua degradação (bilirrubina, biliverdina e ferro). Os tratamentos que favorecem a microcirculação e agem como quelantes de ferro apresentam bons resultados no clareamento e suavização desse tipo de olheiras.

Vasculares: olheiras azuladas causadas por excesso de retenção de fluidos. Tendem a agravar-se em situações de stress e cansaço, quando a circulação sanguínea da região torna-se parcialmente comprometida. Os tratamentos que favorecem a microcirculação apresentam bons resultados no clareamento e suavização desse tipo de olheiras.



retirado daqui!

Um comentário:

  1. Eu até tenho um pouco de olheiras,não sei qual é o tipo da minha,hehe..
    Mas antes eu achava que poderia ser por usar óculos ha bastante tempo,mas não sei se a causa exata é essa.Qndo vou sair cubro tudo com corretivo!Ele me salva viu..

    ResponderExcluir

Comenta mas não inventa!